11 de abr de 2016

PROCESSO 045/2015

RESULTADO DE JULGAMENTO:
POR UNANIMIDADE DE VOTOS A EQUIPE BARBALHA F. CLUBE, AGREMIAÇÃO PROFISSIONAL FOI ABSOLVIDA DAS TENAZES DO RT. 206 DO CBJD, EM ATENDENDO O PARECER DO TITULAR DA DENÚNCIA EM RAZÃO DA OBRIGAÇÃO DE MANTER O APARATO MÉDICO/AMBULATORIAL PARA REALIZAÇÃO DA PARTIDA SER, EXCLUSIVAMENTE DA FCF, CONFORME REZA O ART. 16, III E IV DO ESTATUTO DO TORCEDOR.

PALAVRA DADA AO DEFENSOR DR. EDISON MOURÃO QUE INICIA A DEFESA DO DENUNCIADO. HONORÁRIOS ARBITRADOS EM R$ 100,00 AO DENUNCIADO.

PALAVRA DADA A PROCURADORIA QUE ENTENDE QUE A OBRIGAÇÃO É DA FCF E REQUER O ARQUIVAMENTO.

.: Para entender o caso:

ESTÁ SENDO DENUNCIADA PELA PROCURADORIA A EQUIPE BARBALHA F. CLUBE, AGREMIAÇÃO PROFISSIONAL; POR ATRASO DE 54 MINUTOS EM RAZÃO DA FALTA DO DESFIBRILADOR; PELO QUE FOI ENQUADRADO NO ARTIGO 206, DO CBJD.